Atendimento 24h - 0800 61 3333

Como prevenir problemas na cirurgia plástica?

 A tecnologia vem avançando, cada vez mais, nos últimos tempos. Inclusive, na área cirúrgica, tornando as plásticas cada vez mais seguras, com menor trauma, mínimas cicatrizes e recuperação mais rápida.

Entretanto, elas continuam sendo cirurgias, o que exige cuidado e comprometimento, não só da equipe médica, como também por parte do paciente.

Pesquisas mostram que entre 4 e 10% das cirurgias resultam em complicações ou intercorrências, como parada cardiorrespiratória, embolia pulmonar, hemorragias, alergias e outros.

Entretanto, existem alguns cuidados que podem prevenir problemas na sua cirurgia plástica. Confira:

EVITAR O TABAGISMO

Se você é fumante, o recomendado é parar agora ou pelo menos reduzir bem o consumo de cigarros por 15 a 30 dias antes da cirurgia.

A nicotina atua reduzindo a circulação sanguínea e, consequentemente, a oxigenação dos tecidos, prejudicando a cicatrização.

INFORMAR OS MEDICAMENTOS ATUAIS AO MÉDICO

O uso de medicamentos para emagrecer pode interagir com medicamentos utilizados durante a cirurgia. Por isso, é necessário parar o consumo, pelo menos 7 dias antes da cirurgia.

Os medicamentos antiagregantes plaquetários, como o ácido acetilsalicílico e outros, devem ser suspensos de 7 a 10 dias antes, ou conforme indicação do médico.

ESCOLHER BEM O CIRURGIÃO

Além de verificar se o cirurgião é membro da SBCP, certifique-se, também, de que ele é especialista na área do corpo que você quer modificar. Existem especialistas em face, mamas, abdômen e outros.

CONTRATAR O CIRURGIA SEGURA

Cirurgia Segura é uma proteção financeira para cirurgias, que reembolsa possíveis custos extra decorrentes de complicações e intercorrências.

PROTEÇÃO FINANCEIRA DE ATÉ R$ 150 MIL PARA O REEMBOLSO DE DESPESAS MÉDICO-HOSPITALARES.

Em cirurgia plástica, segurança nunca é demais. Peça ao seu médico para se cadastrar e contratar em www.cirurgiasegura.com ou ligar 0800 61 3333.

Open chat
Podemos ajudar?